Weby shortcut
sapo

Alunas do Laboratório de Biologia, Ecologia e Controle de Carrapatos são premiadas no III Congresso Latinoamericano de Acarologia

            Nos dias 29/07 a 02/08 aconteceu, na Pousada dos Pireneus, Pirenópolis, Goiás, o III Congresso Latinoamericano de Acarologia (III CLAC) e VI Simpósio Brasileiro de Acarologia (VI SIBAC). O evento reuniu pesquisadores, profissionais, pós-graduandos e graduandos de diferentes áreas relacionadas a Acarologia, representantes de 16 países (12 do continente Americano, 2 da Europa e 2 da Ásia), das 5 regiões do Brasil (14 estados), totalizando 364 congressistas.

            Para essa edição foi escolhido o tema Saúde Única (em Inglês "One Health"), que reflete a interconectividade entre a saúde e o bem estar dos homens, animais e meio ambiente. Nesse contexto, os ácaros, que apresentam surpreendente diversidade ecológica e amplo espectro de modos de vida, são organismos que podem influenciar fortemente essa tríade.

            Durante o evento, foi realizado o concurso "AcariVisual Latinoamericano", no qual foram premiados os melhores materiais no tema ácaros nas categorias: desenho, fotografia, micrografia e vídeo. Participaram do concurso estudantes de graduação e pós-graduação e profissionais ligados às universidades, instituições de pesquisa, bem como, profissionais liberais participantes dos III CLAC e VI SIBAC. O objetivo do concurso foi estimular a produção de trabalhos audiovisuais na área de Acarologia na America Latina.

            Na categoria fotografia, os prêmio de primeiro, segundo e terceiro lugares foram para alunos do programa de Pós-graduação em Ciência Animal da Universidade Federal de Goiás.

            O prêmio de terceiro lugar foi dado para fotografia de autoria dos doutorandos Luiza Grabriella Ferreira de Paula e Luiz Fellipe Monteiro Couto, enquanto o segundo lugar foi dado para fotografia também da doutoranda Luiza Grabriella Ferreira de Paula. Também foram autores da imagem premiada com o segundo lugar, a graduanda do curso de Ciências Biológicas da UFG, Giovana Perreira Bezerra e o professor do Instituto de Patologia Tropical e Saúde Pública (IPTSP) e orientador do PPGCA/UFG, Caio Márcio de Oliveira Monteiro. As fotografias registram adultos do carrapato estrela, Amblyomma sculptum, exibindo o comportamento de busca do hospedeiro e foram retiradas durante campanhas de campo para coleta de carrapatos. Essa atividade está relacionada a Tese da doutoranda Luiza Grabriella Ferreira de Paula, orientado pelo professor Caio Monteiro, que tem como um dos objetivos, realizar a caracterização da dinâmica populacional de Amblyomma sculptum em área do Cerrado, no Centro-Oeste. 

carrapato

Premiação

2° lugar–Machos do carrapato estrela, Amblyomma sculptum, realizando o comportamento de busca por um hospedeiro

carrapato2

3° lugar–Fêmea do carrapato estrela, Amblyomma sculptum, realizando o comportamento de busca por um hospedeiro

O prêmio de primeiro lugar foi dado para fotografia de autoria do professor da Escola de Veterinária e Zootecnia (EVZ) e curso de Pós-graduação em Zootecnia (PPGZ) da UFG, Juliano José de Resende Fernandes, da mestranda do PPGCA Letícia Coelho Miranda Brito e do professor do IPTSP/PPGACA/UFG, Caio Márcio de Oliveira Monteiro. A fotografia registra uma fêmeas ingurgitada do carrapato Amblyomma rotundatum fixado em um sapo da espécie Rhinella schneideri. A imagem está correlacionada com estudo desenvolvido em colaboração entre a equipe do Laboratório de Biologia, Ecologia e Controle de Carrapatos (LABEC – EVZ/IPTSP), coordenado pelo professor Caio Monteiro, em colaboração com a equipe da professora Karina Simões (ICB/UFG) e equipe do Laboratório de Artrópodes Parasitos, coordenado pelo professor Ralph Maturano, da Universidade Federal de Juiz de Fora, MG. O estudo tem investigado aspectos ecológicos da relação de carrapatos em anuros.

sapo

 Premiação leticia

1° lugar - Fêmeas ingurgitada do carrapato Amblyomma dubitatum fixado em um sapo da espécie Rhinella schneideri.

Categorias : Notícias